Wednesday, March 10, 2010

O dia que o SBT parou.




Dia 8 de Março. 2010.
Dia internacional da mulher (100 anos desta data) e também festa de aniversário de Hebe Camargo (menos de 100).
Nunca vimos o SBT “parar”, mas nesse dia, “parou”.
A produção do programa com seus rádios e mulheres dinâmicas em altos saltos que machucavam seus pés se desdobrava para acomodar os artistas e fazer andar num ritmo frenético a preparação da gravação de um programa fora do padrão, que só não é ao vivo por que não passa nas tvs quando as câmeras entram em ação, mas é como se fosse, pois nada é refeito.
Lista de convidados:
No palco, Ney Matogrosso, Leonardo, Ivete Sangalo e Maria Rita.
Na Plateia, de Moacir Franco a Maisa, de Cabrini a Eliana, Socialites e muitos artistas, arrematando com Ana Maria Braga, Gabi e Xuxa .
E esta ultima ao chegar mudou todo um esquema:
“Esvaziem os corredores, ela chegou”.
Do camarim pudemos ouvir um grito de “socorro”.
Era um fotógrafo sendo arrastado por uma Tsunami de gente querendo um click, um sorriso da loira.
(sábia alternativa da direção ter gravado fora a participação de Roberto Carlos)
Ela entra sorridente (linda mesmo) e vai direto para o camarim da amiga Ivete Sangalo, que já estava no local.


Logo depois, entra Ana Maria Braga, já sai maqueada do helicóptero, direto para um camarim escrito “Stand By” (reserva) de onde foram retiradas caixas e outros objetos de patrocinadores para dar lugar a apresentadora.
Enquanto isso, a plateia vip entra no estúdio e se posiciona para fazer parte do retorno de Hebe a tv depois de passar por mais um sobe e desce da vida.
Uma visita rápida ao camarim da a certeza a todos de que “Hebe está ótima como sempre”. E vamos nós, a gravação está começando.
Estou nos bastidores, parte técnica, ao lado de vários cinegrafistas da própria casa, por onde passam também os sorridentes artístas que felizes formam a platéia.
Xuxa passou por alí sem sorrir...
A cara não tava boa não. (cada um a seu modo)
Mas... as luzes se ascendem e a mágica acontece : Agora sim temos alí a Xuxa que conhecemos.
O carisma de Leonardo e Ivete Sangalo ajudam Hebe a encontrar o tom do programa.(mesmo assim queria saber por que eles ficaram tanto tempo, suando as mão num microfone e nem um bom papo tiveram)
Maria Rita e suas caras e bocas levam uma PinUp (um tanto afetada) de presente para a loira que se emociona a cada minuto, mesmo com os depoimentos desastrosos de “Ratinho”.
E por fim, Ney Matogrosso desliza pelo palco numa desfaçatez medida e necessária, mostrando como se encerra uma grande festa deste calibre.
A platéia invade o palco para abraçar Hebe e tentar pegar um teco do bolo.(que veio em bandejas, pois o deslumbrante que lá estava era cenográfico).
Xuxa já não estava mais, deixou a festa antes, à francesa, direto para o helicóptero; seguida por Ana Maria.
Numa escapada quase mágica o quarteto também sai o palco e se prepara para deixar o SBT, depois de uma dia todo de trabalho e de homenagem registrada.
Xuxa já foi...
Hebe dá entrevista.
Cadê Ivete?
Ainda estou na lateral da emissora, na “carga e descarga”, aguardando a chegada de meu equipamento para sair no carro da emissora que me levará para casa.
E então passa por mim um carro (quase)comum, com 3 pessoas na frente, com sacolas e bichos de pelúcia, e mais 4 no banco de trás, com mais malas e bolsas.
E alí tambem estava ela, fazendo careta no vidro, “estou esmagada”, dizia os olhos da feliz, irreverente e única Ivete Sangalo.


Uns lá pelos ares, e outros com o pé tão no chão!!!

Pois é...um “viva” as diferenças.

beijo pro meu patrão Ney Matogrosso...beijo para nossa Ivete.

ricofabio2004@yahoo.com

1 comment:

Dadalti said...

To bom em perceber as coisas na telinha.